Cabeçalho | InternacionalInstituto Politécnico de Viana do Castelo | Multimédia
OTIC
 
Home > I&D e Inovação > Projectos IDT > Compostagem da fracção sólida dos chorumes de explorações pecuárias leiteiras com fins agronómicos e ambientais
Projectos IDT
PROJECTOS DE FORMAÇÃO
PUBLICAÇÕES
parcerias
PROGRAMAS FINANCIADORES
Arquivo de Agenda
Arquivo de Notícias
backoffice
 
 
Compostagem da fracção sólida dos chorumes de explorações pecuárias leiteiras com fins agronómicos e ambientais
Compostagem da fracção sólida dos chorumes de explorações pecuárias leiteiras com fins agronómicos e ambientais

Título do projecto
Compostagem da fracção sólida dos chorumes de explorações pecuárias leiteiras com fins agronómicos e ambientais

Responsável
Luís Miguel Cortêz Mesquita de Brito

Objectivos

  1. Experimentar e demonstrar técnicas de compostagem que valorizem a fracção sólida dos chorumes como fertilizante orgânico do solo, quer para explorações pecuárias, quer para a horticultura intensiva, e que evitem perdas de azoto por volatilização, ou por lixiviação, durante o processo de compostagem.
  2. Experimentar a capacidade da fracção sólida dos chorumes compostada para imobilizar azoto mineral antes do estabelecimento das culturas de Primavera, na zona vulnerável do aquífero livre de Esposende e Vila do Conde, quando a precipitação é elevada, e de o libertar, posteriormente, de forma gradual, durante o crescimento da cultura, para diminuir os riscos de lixiviação de nitratos para as águas subterrâneas.
  3. Quantificar os custos da compostagem relativamente ao valor acrescentado do composto para utilização nas próprias explorações pecuárias, e de um composto mais amadurecido para utilização em horticultura intensiva, como alternativa a outros correctivos orgânicos actualmente utilizados e que são prejudiciais para o ambiente.
  4. Elaborar um manual de compostagem e divulgar junto das explorações leiteiras intensivas a tecnologia necessária para a compostagem da fracção sólida dos chorumes e para a utilização do composto na agricultura.
  5. Estabelecer práticas de fertilização orgânica que contribuam para melhorar a qualidade do solo e diminuir os odores indesejáveis causados pelo armazenamento e distribuição dos chorumes.
  6. Apoiar os técnicos e agricultores da região de Entre Douro e Minho na gestão do azoto e dos resíduos de origem agrícola de forma a contribuir para a conservação da qualidade do solo, da água e do ar.
  7. Contribuir para sensibilizar a comunidade agrária das Zona Vulneráveis do Aquífero Livre de Esposende e Vila do Conde, e do Aquífero Quaternário de Aveiro, no sentido de progredir para uma agricultura sustentável.


Descrição Sumária
Com este projecto pretende-se demonstrar que a separação do chorume das explorações pecuárias intensivas, em sólidos e líquidos, pode ser um meio eficaz, económico e adequado ao ambiente com as vantagens de se poder obter um composto seco de alta qualidade, estabilizado, com isenção de odores ou microrganismos patogénicos, de fácil manuseamento e, portanto, com elevado valor comercial. Outra vantagem ambiental deste projecto decorrerá da utilização deste composto como produto alternativo aos correctivos orgânicos mais poluentes, actualmente utilizados em muitas explorações de horticultura intensiva, e que prejudicam a cadeia alimentar e o ambiente. Em acréscimo, reduz-se o volume necessário para armazenamento dos chorumes nas explorações de pecuária leiteira intensiva, o que se tem revelado um problema crescente para este tipo de explorações, particularmente quando inseridas numa Zona Vulnerável como a do Aquífero Livre de Esposende e Vila do Conde, ou do Aquífero Quaternário de Aveiro, onde não é permitida a aplicação de chorumes entre Outubro e Fevereiro.
Neste projecto, que será desenvolvido em parceria entre a Escola Superior Agrária de Ponte de Lima (ESAPL), a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), a Direcção Regional de Agricultura de Entre Douro e Minho (DRAEDM) e a Cooperativa Agrícola de Vila do Conde (CAVC), pretende-se experimentar e demonstrar técnicas de compostagem que valorizem a fracção sólida dos chorumes como fertilizante orgânico do solo, monitorizando os parâmetros físicos, químicos e biológicos mais importantes para concluir sobre a relação entre o processo de compostagem e o composto obtido, com especial relevo para as condições que evitam perdas de azoto durante a compostagem, e para as características do composto obtido, quer para a horticultura intensiva quer para as próprias explorações de pecuária intensiva. Nestas, pretende-se um composto que possa imobilizar azoto mineral antes do estabelecimento das culturas de Primavera, quando a precipitação é elevada, e de o libertar, posteriormente, de forma gradual, durante o crescimento das culturas, para diminuir os riscos de lixiviação de nitratos para as águas subterrâneas. Os custos da compostagem serão quantificados relativamente ao valor acrescentado do composto para utilização nas próprias explorações pecuárias, e como alternativa a outros correctivos orgânicos existentes no mercado. A elaboração de um manual de compostagem, a divulgação junto das explorações leiteiras intensivas da tecnologia necessária para a compostagem da fracção sólida dos chorumes e para a utilização do composto na agricultura, o apoio aos técnicos e agricultores da região de Entre Douro e Minho na gestão do azoto e dos resíduos de origem agrícola de forma a contribuir para a conservação da qualidade do solo, da água e do ar, e a sensibilização da comunidade agrária, particularmente, das Zona Vulneráveis, no sentido de progredir para uma agricultura sustentável, são outros objectivos que serão realizados em estreita colaboração entre as entidades envolvidas no projecto.

Duração
36 meses

Início - Fim
Início: 01/01/2004
Fim: 31/12/2006

Instituição Coordenadora
Escola Superior Agrária

Entidades parceiras
Direcção Regional de Agricultura de Entre Douro e Minho (DRAEDM)
Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD)
Cooperativa Agrícola de Vila do Conde (CAVC)

Montante global
149 400 Euros

Página Web
www.ci.esapl.pt/mbrito/compostagem

Programa financiador
Projecto 794 do PO AGRO - 2º Concurso da Medida 8.1

 
Projectos Projectos | Mais Projectos | Real GE2C'S Proyecto VT | eca.it | ESOL | Bioemprende
LABORATÓRIOS
UIDM
UMA
 
 Agência de InovaçãoPOS ConhecimentoUnião EuropeiaSímbolo de Acessibilidade à Web
 
*
*
O seu browser não suporta frames, no entanto a sua visita a este portal não será afectada.